Orientação temporal

Trabalhar o tempo com as crianças não é uma tarefa considera fácil, pois as mesmas tem dificuldade em diferenciar:

– o tempo longo e curto (ex: horas, minutos…);

– rítmo rápido e lento (ex: andar ou correr);

– sucessão de acontecimentos (ex: antes, durante, depois);

– renovação cíclica de alguns períodos ( ex: dias da semana, meses e estações do ano);



A noção de tempo é uma algo difícil da criança construir por ser algo abstrato. É interessante propor atividades que trabalhe o tempo como por exemplo:

– bater palmas;

– propor brincadeiras que alternem a velocidade dos passos;

– brincadeiras em que alternem a vez dos participantes (ex: primeiro, segundo, terceiro…);

– vestir-se (ex: primeiro a camiseta, depois a calça, depois a meia e etc…

Todas essas atividades e acontecimentos do dia a dia, desenvolvem a orientação temporal na educação infantil. Por isso quanto mais a criança brinca, interage e descobre sobre o meio em que vive, ela se desenvolve. A criança aprende brincando!!!

Um comentário sobre “Orientação temporal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *