O que são garatujas?

Garatujas: são tentativas iniciais de representação da criança. É importante ressaltar que é papel do professor estar atento durante as fases e evoluções mediando o desenvolvimento da criança perante a escrita.

A escrita é uma forma de expressão e comunicação, e antes mesmo dela ser por meio de letras, ela se manifesta por meio de garatujas, desenhos, até por fim chegar a escrita convencional que utilizamos.

Existem alguns tipos de garatujas, mas iremos destacar apenas 3 tipos: as garatujas desordenadas, nominadas e ordenadas. 

As garatujas desordenadas: são aquelas em que a criança entra em contato inicial com o lápis e papel e não sabe representar ainda seus pensamentos; seu foco inicialmente está atrelado ao prazer pelo movimento sem se ater aos limites da folha. As garatujas desordenadas, não apresentam movimentos e representações definidas.

A criança segura o lápis de diversas formas, sem domínio da coordenação motora fina. Nesta fase as garatujas se apresentam em tom claro pois, a criança não possui controle naquilo em que está fazendo.

 

As garatujas nominadas: possuem características diferentes das desordenadas, trata-se de uma transição entre a desordenada e a ordenada. Ela apresenta o início do pensamento representativo com focos do pensamento motor, ou seja, a criança ainda apresenta vestígios de escrita pelo prazer do movimento.



Nas garatujas ordenadas, ocorre a conquista no controle maior da criança em relação a sua coordenação motora fina. Ela consegue representar movimentos circulares, dando início às formas e manifestando em sua escrita aquilo que está em sua mente.

Isso significa que seu foco deixa de ser apenas um movimento e passa a ser a representação daquilo que vem à sua mente.